A SÉRIE DE COPAS

A Expressão Emocional

 

Quando os Arcanos Menores foram criados, os naipes de Copas representavam o clero, o misticismo e o amor à Deus. Associamos Copas às emoções pelo fato das uniões matrimoniais na Idade Média serem celebrados nas Igrejas, selando a união entre duas pessoas de maneira ritualística.

O naipe de Copas é, na maioria dos baralhos, representado com taças, as quais simbolizam aquelas que são usadas na Igreja, evocando também a imagem do Santo Graal, o cálice sagrado.

As taças contêm, geralmente, água ou vinho, que são símbolos da vida. É do amor e dos sentimentos que nasce a união e, com ela, a perpetuação da espécie humana.

Relacionado com o Elemento Água, representa as emoções, os afetos, os relacionamentos, a disposição para entregar-se.

Astrologicamente, está relacionado com os signos de Peixes, Câncer e Escorpião.

Quando uma carta de Copas  sai num lançamento de cartas, ela indica uma ligação afetiva ou um relacionamento importante na vida da pessoa. Em questões materiais ou profissionais, mostra que esse assunto sensibiliza e provoca determinadas emoções na pessoa que interfere muito na sua vida, ou seja, existem sentimentos importantes envolvidos que talvez ultrapasse o próprio controle, emoções não verbalizadas e ligações sentimentais que vão além do domínio prático.

As cartas de Copas pode também revelar medos, fantasias, sonhos, ressentimentos e bloqueios emocionais – e devido a relação absortiva da água – este naipe está profundamente ligado ao nosso inconsciente e à faceta mais oculta da nossa personalidade.

As cartas de Copas mostram o que e em qual intensidade sentimos, e o que os outros sentem em relação a nós. Revelam o que precisamos vencer dentro de nós mesmos e aquilo que podemos esperar ou não dos outros.

O brilho,  a transparência e outros atributos da água informam a respeito da qualidade emocional e o “mar” onde finalmente a água cai nos fala onde vive essa emoção.